Olhos vermelhos, o que pode ser? 2

Olhos vermelhos, o que pode ser?

Essa é uma situação muito comum no dia a dia do Oftalmologista, e pode ter diversas causas.

1.Processo inflamatório que pode acometer diversas áreas dos olhos, e normalmente não são contagiosas

Inflamação das pálpebras, também conhecida como blefarite, é uma causa comum de olhos vermelhos. Embora a alteração, a princípio, não esteja nos olhos, a íntima relação entre essas estruturas pode levar a intensa vermelhidão, ardência e lacrimejamento devido à produção excessiva de secreção sebácea e seu acúmulo na borda das pálpebras.

A conjuntivite, que é a inflamação da fina membrana que recobre o olho – a conjuntiva – também deixa os olhos vermelhos. Além do quadro inflamatório, pode ser de ordem alérgica ou autoimune.

Ceratite se refere a lesão na córnea e pode estar associada a alterações inflamatórias e degenerativas.

Uveíte é um tipo de inflamação intraocular, e normalmente se refere às doenças reumatológicas.

2.Doenças infecciosas

Bactérias, vírus, fungos e parasitas podem atingir diferentes regiões do olho como pálpebras, conjuntiva, córnea, esclera. Se acomete estrutura intraocular causa uveíte, e quando disseminada para todo o olho, a endoftalmite.

No caso da conjuntivite, o risco de contágio é grande.

Quando atinge a córnea, temos o que é conhecido como úlcera de córnea.

3.Trauma

Contusões ou perfurações pelos mais diversos agentes levam a essa situação. As regiões mais comumente atingidas são córnea e esclera, mais expostas a esses danos.

4.Síndrome do olho seco

O olho seco é uma condição de desequilíbrio na produção ou evaporação excessiva da lágrima, que leva a um prejuízo na lubrificação adequada da superfície ocular, levando a ressecamento de toda essa região. A mais importante delas é a córnea (conhecida como ceratite).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Agende uma consulta